Gramado em família – parte 2 – passeios

Oi pessoal!

Tudo bem?

Como prometido, estou de volta para continuar a escrever sobre
Gramado! O post de hoje é sobre os passeios que fizemos: desde parques temáticos até museus… Para ler e rever o primeiro post com dicas gerais, clique AQUI.

Para seguir uma ordem cronológica na minha cabeça, vou falar na ordem que visitamos, mas na verdade não planejamos muito, fomos visitando conforme a rotina das crianças e conforme íamos descobrindo os locais.

Dica: pensem que não estamos livre de chuva, então se o dia estiver bom, priorizem os locais abertos, pois nós nem ficamos ligados neste item e, no dia que iríamos visitar o Alpen Park e o Gramadozoo choveu e era o último dia, ou seja, ficou para a próxima!!! Heheheh… Vivendo e aprendendo!

Dia 1

Mundo Gelado – Canela (estrada)
Este parque não é muito divulgado e também a avaliação dele no tripadvisor não é boa, porque acredito que é caro para um passeio rápido, mas a Marina e a Chiara amaram. Tem toda uma preparação de colocar uma roupa apropriada, passa um vídeo contando uma história bem legal e depois entramos em uma “caverna de gelo” com 12 graus negativos. São várias esculturas em gelo que podemos sentar, deitar e livre para tirar foto e filmar. Custa R$ 25,00 por pessoa – aceita cartão

Dica: apesar do Benício ter entrado junto, realmente é muito frio… não vale a pena expormos um bebê que não entende o que é aquilo a esta temperatura!

Esculturas de gelo - mesa com bancos

Esculturas de gelo – mesa com bancos

mundo Gelado floc viverbembom canela

Este é o lugar por onde o FLOC, personagem do Mundo Gelado, chegou a Gramado.

Parque Caracol – Canela (estrada)
Visita obrigatória! Se tiverem tempo, é um parque enorme com trilhas, passeios de trem, feira de artesanato e, lógico a maravilhosa Cachoeira do Caracol. Como estávamos com o Benício que não pára no carrinho, não fizemos as trilhas (mesmo porque as trilhas têm escadas…), mas aproveitamos o local e almoçamos por lá. Tem uma lanchonete com fogão a lenha que serve várias comidas diferentes e que parecem de casa de vó. Amei…
Custa 12,00 por pessoa  – aceita cartão e lá dentro há atracões que pagam a parte que não aceitam cartão, por exemplo uma vista panorama da cachoeira que eu adoraria ver, mas estávamos sem R$1,00 em dinheiro…

Dica: foi na feira de artesanato de lá que comprei os gorros das crianças de animais, achei o preço de tudo mais em conta do que no centro de Gramado.

Viva a natureza! A maravilhosa cachoeira do Caracol

Viva a natureza! A maravilhosa cachoeira do Caracol

Parque Temático Florybal – Canela (estrada)
Lindo! Um parque mágico dentro de uma “floresta”. Você vai andando pelo parque e passando por alas: tem a dos homens de pedra, a ala da fé, a dos índios até chegar na terra dos dinossauros… Ele se mexem, me senti no filme do “Parque dos Dinossauros”
Dica: se possível, vá logo cedo, pois anda-se muuuiiiiittttoooo! Como nós fomos depois do almoço, chegou uma hora que ninguém agüentava mais… Ahhh, vá de tênis. Hehehehe. Vale muito a pena.

Custa R$ 30,00 por pessoa – aceita cartão

florybal gramado viverbembom

Família Viver Bem Bom neste mundo do faz de conta!

Chiara com seu gorro novo de tigre, balançando junto com o duende.

Chiara com seu gorro novo de tigre, balançando junto com o duende.

Centro Gramado / Rua Coberta
Fomos à noite passear  no Centro de Gramado. Que cidade linda e charmosa! Passamos por onde acontece o Festival de Cinema de Gramado, pela Igreja (como era Corpus Christi estavam aqueles tapetes no chão que são feitos com diversos materiais, lindos!), passeamos pela rua principal e acabamos na Rua Coberta. Não jantamos lá, mas fiquei morrendo de vontade, é uma rua super aconchegante, porque como ela é coberta… é mais quentinha, cheia de restaurantes…. Delícia!

Dica: para criança, na época que fomos (começo de junho), é muito frio passear à noite… pegamos menos de 8 graus, às 20h30. Recomenda-se muito agasalho, proteção para as orelhas, luvas e se tiver no carrinho, cobertor!

Puro glamour... imaginem nos dias do festival como deve ser???

Puro glamour… imaginem nos dias do festival como deve ser???

Dia 2

Mini Mundo – Gramado
Uma mini cidade feita em miniaturas… Lindo! Que trabalho fantástico! Todas as miniaturas são réplicas de algum local e, em muitas delas há sonorização também, como por exemplo, o Aeroporto de Bariloche… parece que estamos vendo um mini aeroporto funcionar com a mulher falando os próximos vôos! Muito legal… A miniatura mais recente é o Museu do Ipiranga, em São Paulo, idêntico!
Custa R$ 18,00 por pessoa e não aceita cartão

Dica: muito difícil andar com o carrinho lá dentro, melhor opção é o sling ou no colo!

O interessante é ir explicando para a criança o que é cada réplica!

O interessante é ir explicando para a criança o que é cada réplica!

Além de ser lindo, é rico nos detalhes.. passear com calma reparando em tudo... cada cenário você consegue sentir o que o artista quis transmitir!

Além de ser lindo, é rico nos detalhes.. passear com calma reparando em tudo… cada cenário você consegue sentir o que o artista quis transmitir!

Igreja de Pedra – Canela
Entramos na cidade de Canela por um acaso, reparamos que precisaríamos tirar dinheiro, porque nem todos os passeios aceitavam cartão. Ainda bem que entramos, não é uma cidade tão charmosa como Gramado, mas é uma delícia e, pelo jeito, uma opção mais barata também. Almoçamos por lá e pagamos a metade do que pagaria em Gramado. Bom, sem falar, na Igreja de Pedra, que é muito linda e diferente. Lá dentro, tiramos uma foto com a réplica de cera do Papa João Paulo II.  R$ 10,00 a foto.

A Igreja é enorme, vejam como estamos pequenos na foto.

A Igreja é enorme, vejam como estamos pequenos na foto.

Mundo a Vapor – estrada Canela – Gramado
Museu  que conta a história das máquinas a vapor. Muito bonito e muito ilustrativo, cada espaço tem uma pessoa que explica a história e o conteúdo em si. Achei que a Chiara, que tem 4 anos, não fosse se interessar, porque é bem educativo, mas ela prestou atenção em todas as explicações… Amou e aprendeu! Heheheheh
Preço: R$ 16,00 por pessoa – Não aceita cartão

Demonstração em miniatura de uma fábrica de papel. Eles produzem o papel na hora e te dão como lembrança. Demais!

Demonstração em miniatura de uma fábrica de papel. Eles produzem o papel na hora e te dão como lembrança. Demais!

O próximo passeio que abordarei será sobre a mágica Aldeia do Papai-Noel, mas este será assunto para o post número 3 – mais passeios.  Fiquem antenados no Viver Bem Bom porque logo logo este post com mais dicas de passeios já estará no ar. Deu para perceber que fizemos muitas coisas em 4 dias, né? Compartilhem conosco, a experiência da família em Gramado.

Um beijão e até mais!

Confiram como foi a primeira vez do Benício na praia / Dicas para ir a praia com criança pequena…

Este feriado fomos para Santos para passar o final de semana. Vocês não têm noção como a Chiara estava eufórica…  ela já tinha ido para praia algumas vezes, mas como o Benício nasceu em janeiro, nós  não fomos no verão passado, então acredito que ela não lembrava de nada.

 Então, juntou a euforia dela com a primeira vez do Benicio… eles pareciam dois “louquinhos” para lá e para cá, circulando pela praia inteira… ela correndo e ele engatinhando atrás dela!
 
Foi emocionante! Lógico que tivemos a tradicional cena de areia indo em direção a boca do bebê… no final ele estava inteiro de areia! Ficou tão cansado que depois de 1 hora de praia, mamou e literalmente desmaiou! hehehehehe
 
Bom, antes de vcs. curtirem as fotos da “farofada” da família Viver Bem Bom, seguem algumas dicas para as mamães de primeira viagem que vão “descer a serra” com os filhotes no verão:
 
1- Use protetor solar e o mais importante é passar antes de colocar o maiô nas crianças, porque o corpinho deles é muito pequeno, dificulta com a sunga ou biquíni . Segue um post que sugiro marcas e falo da minha experiência com relação a alergia.
 
2- Cuidado com protetores solares coloridos, eles normalmente mancham a roupa.
 
3-Usar chapéuzinho que cubra as orelhas e rosto, mas contando que eles não vão ficar muito tempo com ele na cabeça, é essencial  passar protetor na careca dos bebês.
 
4- Cuidado: as fraldas de piscina são ótimas, porque não ficam cheias, mas elas não seguram o xixi… o Benício fez muito xixi em cima de mim neste final de semana! O ideal: colocar a fralda na praia, mas se for complicado ficar de olho para a criança não ficar fazendo xixi pela casa ou pela rua.
 
5- Sempre levar fralda de piscina e fralda normal a mais… e se a criança fizer cocô?!? Tem que trocar… ah, e lenço umedecido tb. não pode faltar (normalmente, na praia, não tem um super fraldário a nossa disposição, né?).
 
6- Se a criança é muito pequena, menos de 1 ano, é interessante ter uma piscininha pequena com cobertura para vc. não ficar preocupada com mar! Coloca os brinquedinhos dentro dela, debaixo do guarda-sol.
 
7- Levar água, fruta, mamadeira, bolacha, biscoito…. depende da rotina do seu filho e do tempo que vai ficar na praia…. Ah, não esquecer de fraldinha de boca ( mais de uma – porque vc. vai limpar muita areia, além da comida! hehehehe)
 
8- É interessante ter água mineral para limpar a criança (mão, rosto….) nem todas as praias estão preparadas com chuveirinho.
 
9- Verificar se as barraquinhas de comida ou os hotéis já deixam cadeiras e guarda-sóis à disposição… isto vale muito a pena, pois já deu para perceber que levamos a casa junto!
 
10 – Toalhas  para secar a criança e sempre uma muda de roupa, para tirar a roupa molhada (se por acaso estiver ventando e frio).
 
11- Se vc. não gosta de  acordar cedo, comece a treinar este hábito… pois ir a praia depois das 10h, não combina com criança pequena! É muito quente e muito cheia!
 
12- Não desgrudar o olho do seu filho… nem para piscar, pois para sair do seu lado e se misturar com a multidão acontece em um segundo! Um acessório legal que ganhei quando comprei o biquíni da Chiara são aquelas pulseiras plastificadas de identificação que vc coloca no braço ou no biquíni ou sunga da criança… se perder, lá estão as  informações necessárias para achar os pais!!! Deus me livre, não gosto nem de pensar…
 
13- Se a criança é pequena, menos de 2 anos, por exemplo, cuidado com as ondas na beirinha da água, pois para nós, adultos, é tranquilo, porém eles não têm controle do corpo, a onda derruba e causa traumas! Com a Chiara aconteceu isso: ela linda e maravilhosa, o primeiro dia na praia, com quase 2 anos, foi entrar no mar e os “antas” dos pais nem se tocaram… o primeiro contato com água foi um belo tombo!!! Resultado: passou o verão inteiro fugindo do mar! Mas agora, com quase 4 anos, ela se virou super bem e o trauma foi superado.
 
Gente, acho que é isso! Se eu lembrar de mais alguma dica, coloco aqui para complementar. E vcs. já passaram por esta experiência? Conta aqui…. todos nós temos algumas dicas para sugerir!
 
Um beijo e confiram o nosso super passeio!
 
 
 

Passeio só para meninas – a mamãe e a Chiara

Oi gente!!!
Para quem nos segue no Twitter (@ViverBemBom) e no Facebook (Camila Lorenz), viu que ontem fizemos um passeio só para meninas, eu e a Chiara. Na verdade, este passeio foi feito por dois motivos:
1 – desde que o Benício nasceu, eu não sai mais sozinha com a Chiara para fazer programações exclusivas para ela.
2 – o Benício ainda não pegou mamadeira e o pediatra recomendou deixar o “coitado” do pai sozinho para ele se virar e dar um jeito do menino mamar…hehehehe!!!
Bom, resultado da experiência:
O passeio com a Chiara foi fantástico! Realmente estava precisando…fomos ao cinema, compramos pipoca, fomos ver brinquedos…tenho certeza que ela ficou muito feliz e se sentiu especial, ela falava toda hora que era passeio só de meninas…. Precisamos ter momentos exclusivos com cada filho, fazendo coisas que cada um gosta de fazer!!!
Já o papai com o Benício não foi um sucesso total, mas também não foi nenhuma catástrofe!!! É de se orgulhar, afinal o Juninho ficou sozinho com o Benício mais de 5 horas seguidas e ele mamou um pouquinho de leite na mamadeira…ele ainda não tinha mamado nada!!! E para o nosso espanto, aceitou chá, ele adorou!!! Pronto, já estou segura que meu filho não vai morrer de fome semana que vem no berçário… O legal foi ver a carinha de alegria do Benício quando ele me viu, foi emocionante…nós não tínhamos ficado tanto tempo longe um do outro desde que ele saiu da minha barriga!!!
Bom, fica a dica de mais uma experiência da nossa família…curtam as fotos do passeio das meninas…até mais!!!




Dia das mães – sugestões de presentes

O Dia das Mães está se aproximando e sempre ficamos pensando o que vamos fazer para homenagear nossas mães.
Há pessoas que gostam de um presente de “shopping”, já pronto, como uma bolsa, um sapato… e há pessoas, como eu, que gostam de presentes feitos pelas mãos dos nossos filhos para guardarmos de lembrança e para também ter uma personalização. No vídeo, sugerimos algumas opções do que já fizemos, mas a criatividade é que vale, principalmente em peças de madeira que são compradas em casas de artesanato…podemos pintar, colar fotos…já em peças de algodão precisamos nos atentar em comprar tinta específica para tecido para quando for lavar a peça, a tinta não sair.
Além disso, sempre montamos uma programação para o dia: vale tudo..desde que a família esteja junta!!! Já fizemos piquenique, caça ao tesouro, almoço da mamãe, viagens, sessão de cinema…
Segue o vídeo para vocês!!!!