O que fazer quando os filhos passam mal durante uma viagem?

Oi gente!

Antes de contar para vcs sobre a nossa viagem para o litoral de Santa Catarina, queria ajudá-los a não passar o que passei tanto na ida como na volta: a Chiara vomitando  igual uma louca por ficar enjoada.
Bom, depois de quase precisar jogar o carro fora hehehehehe de tanto fedor…aprendemos algumas estratégias:

1- Forrar a cadeirinha da criança com um lençol ou manta – algo grande e mais grossinho, pois quando a criança vomita é só retirar esta proteção que está tudo limpo! Isto já me salvou algumas vezes….

2- Sempre ter no carro ou na bolsa trocas de roupas, no meu caso, sempre carrego umas 3 trocas quando vamos viajar!!! A Chiara  realmente vomita a cada curva….

3 – Água e lenços umedecidos são tudo na minha vida! hehehehehe… Assim conseguimos limpar a criança e tentar diminuir o odor.

4- Agora a Chiara avisa quando vai vomitar, então carregamos uns 10 saquinhos dentro carro,  já abertos e perto dela (lembrando que sempre colocamos dois saquinhos de uma vez, pois sempre têm um furinho…) Ela avisa e eu já corro colocando a cabeça dela dentro do saco. É uma maravilha….não vaza nada!!!

5- Com relação a alimentação, tento não dar leite antes e durante a viagem, segundo o médico, o leite fermenta e tem difícil digestão. Além de evitar muita comida, tento oferecer somente bolacha maizena ou água e sal, biscoito de polvilho (é mais fácil parar no estômago)…nem sempre consigo!

6- A Chiara assiste muito DVD no carro quando viajamos, mas quando entramos na serra, principalmente, peço para desligar e fechar os olhos, acredito que o enjôo seja menor.

7- Se estamos bem, eu e o Juninho sempre optamos a viagem começando na madrugada, lá pelas 3h / 4h da manhã…assim as crianças ainda estão dormindo e não sentem a viagem…as chances de passarem mal é menor, mas a Chiara já vomitou dormindo, portanto não é uma regra.

8- Por último, temos as opções de remédios, que recomendo vocês consultarem o pediatra, pois não é qualquer remédio que pode tomar em qualquer idade. Na nossa última viagem, utilizei o Dramin gotas, todos falaram que a Chiara iria dormir igual uma pedra, vc. acreditam que ela não piscou o olho???? Mas pelo menos não vomitou  que é o mais importante.

image

image

Gente, apesar do post de hoje ser um pouco nojento, espero que ajude a todos, afinal não escapamos  dessa fase da criança, né??? Uns mais outros menos… Mas também depois que viramos  pais  perdemos as frescuras, então está  tudo OK! HEHEHEHEHE

E com vocês, quais são as estratégias utilizadas???? Contem tudo aqui.

Um grande beijo!

Confiram como foi a primeira vez do Benício na praia / Dicas para ir a praia com criança pequena…

Este feriado fomos para Santos para passar o final de semana. Vocês não têm noção como a Chiara estava eufórica…  ela já tinha ido para praia algumas vezes, mas como o Benício nasceu em janeiro, nós  não fomos no verão passado, então acredito que ela não lembrava de nada.

 Então, juntou a euforia dela com a primeira vez do Benicio… eles pareciam dois “louquinhos” para lá e para cá, circulando pela praia inteira… ela correndo e ele engatinhando atrás dela!
 
Foi emocionante! Lógico que tivemos a tradicional cena de areia indo em direção a boca do bebê… no final ele estava inteiro de areia! Ficou tão cansado que depois de 1 hora de praia, mamou e literalmente desmaiou! hehehehehe
 
Bom, antes de vcs. curtirem as fotos da “farofada” da família Viver Bem Bom, seguem algumas dicas para as mamães de primeira viagem que vão “descer a serra” com os filhotes no verão:
 
1- Use protetor solar e o mais importante é passar antes de colocar o maiô nas crianças, porque o corpinho deles é muito pequeno, dificulta com a sunga ou biquíni . Segue um post que sugiro marcas e falo da minha experiência com relação a alergia.
 
2- Cuidado com protetores solares coloridos, eles normalmente mancham a roupa.
 
3-Usar chapéuzinho que cubra as orelhas e rosto, mas contando que eles não vão ficar muito tempo com ele na cabeça, é essencial  passar protetor na careca dos bebês.
 
4- Cuidado: as fraldas de piscina são ótimas, porque não ficam cheias, mas elas não seguram o xixi… o Benício fez muito xixi em cima de mim neste final de semana! O ideal: colocar a fralda na praia, mas se for complicado ficar de olho para a criança não ficar fazendo xixi pela casa ou pela rua.
 
5- Sempre levar fralda de piscina e fralda normal a mais… e se a criança fizer cocô?!? Tem que trocar… ah, e lenço umedecido tb. não pode faltar (normalmente, na praia, não tem um super fraldário a nossa disposição, né?).
 
6- Se a criança é muito pequena, menos de 1 ano, é interessante ter uma piscininha pequena com cobertura para vc. não ficar preocupada com mar! Coloca os brinquedinhos dentro dela, debaixo do guarda-sol.
 
7- Levar água, fruta, mamadeira, bolacha, biscoito…. depende da rotina do seu filho e do tempo que vai ficar na praia…. Ah, não esquecer de fraldinha de boca ( mais de uma – porque vc. vai limpar muita areia, além da comida! hehehehe)
 
8- É interessante ter água mineral para limpar a criança (mão, rosto….) nem todas as praias estão preparadas com chuveirinho.
 
9- Verificar se as barraquinhas de comida ou os hotéis já deixam cadeiras e guarda-sóis à disposição… isto vale muito a pena, pois já deu para perceber que levamos a casa junto!
 
10 – Toalhas  para secar a criança e sempre uma muda de roupa, para tirar a roupa molhada (se por acaso estiver ventando e frio).
 
11- Se vc. não gosta de  acordar cedo, comece a treinar este hábito… pois ir a praia depois das 10h, não combina com criança pequena! É muito quente e muito cheia!
 
12- Não desgrudar o olho do seu filho… nem para piscar, pois para sair do seu lado e se misturar com a multidão acontece em um segundo! Um acessório legal que ganhei quando comprei o biquíni da Chiara são aquelas pulseiras plastificadas de identificação que vc coloca no braço ou no biquíni ou sunga da criança… se perder, lá estão as  informações necessárias para achar os pais!!! Deus me livre, não gosto nem de pensar…
 
13- Se a criança é pequena, menos de 2 anos, por exemplo, cuidado com as ondas na beirinha da água, pois para nós, adultos, é tranquilo, porém eles não têm controle do corpo, a onda derruba e causa traumas! Com a Chiara aconteceu isso: ela linda e maravilhosa, o primeiro dia na praia, com quase 2 anos, foi entrar no mar e os “antas” dos pais nem se tocaram… o primeiro contato com água foi um belo tombo!!! Resultado: passou o verão inteiro fugindo do mar! Mas agora, com quase 4 anos, ela se virou super bem e o trauma foi superado.
 
Gente, acho que é isso! Se eu lembrar de mais alguma dica, coloco aqui para complementar. E vcs. já passaram por esta experiência? Conta aqui…. todos nós temos algumas dicas para sugerir!
 
Um beijo e confiram o nosso super passeio!
 
 
 

Mala do dia a dia – o que levar!!!!

Oi pessoal!!! Hoje o tema é especialmente para quem ainda será mãe e nem imagina que durante muito tempo, com certeza, mais de 1 ano, ficará sem usar sua própria bolsa quando sair com o seu neném, pois terá que levar a casa na bolsa do dia a dia do seu filho.
Neste vídeo, eu mostro tudo que eu levo na bolsa do Benício. De todas as dicas, para mim, a mais importante, é a escolha da bolsa do bebê, pois na época da Chiara escolhemos uma bolsa rosa choque bem infantil que fiquei usando durante 2 anos seguidos (além de ser chamativa, sujou muito), já no Benício, ganhei uma bolsa linda e discreta que, com certeza, usaria de bolsa para mim mesma. Confiram no vídeo…
Até o próxima dica!!!

Dicas sobre higiene do bebê

Oi gente!!! Tudo bem?

A dica de hoje é sobre a higiene do bebê. Neste vídeo, eu mostro os produtos que usamos na hora do banho e trocas de fraldas.  Adoramos!!!!