O que fazer quando os filhos passam mal durante uma viagem?

Oi gente!

Antes de contar para vcs sobre a nossa viagem para o litoral de Santa Catarina, queria ajudá-los a não passar o que passei tanto na ida como na volta: a Chiara vomitando  igual uma louca por ficar enjoada.
Bom, depois de quase precisar jogar o carro fora hehehehehe de tanto fedor…aprendemos algumas estratégias:

1- Forrar a cadeirinha da criança com um lençol ou manta – algo grande e mais grossinho, pois quando a criança vomita é só retirar esta proteção que está tudo limpo! Isto já me salvou algumas vezes….

2- Sempre ter no carro ou na bolsa trocas de roupas, no meu caso, sempre carrego umas 3 trocas quando vamos viajar!!! A Chiara  realmente vomita a cada curva….

3 – Água e lenços umedecidos são tudo na minha vida! hehehehehe… Assim conseguimos limpar a criança e tentar diminuir o odor.

4- Agora a Chiara avisa quando vai vomitar, então carregamos uns 10 saquinhos dentro carro,  já abertos e perto dela (lembrando que sempre colocamos dois saquinhos de uma vez, pois sempre têm um furinho…) Ela avisa e eu já corro colocando a cabeça dela dentro do saco. É uma maravilha….não vaza nada!!!

5- Com relação a alimentação, tento não dar leite antes e durante a viagem, segundo o médico, o leite fermenta e tem difícil digestão. Além de evitar muita comida, tento oferecer somente bolacha maizena ou água e sal, biscoito de polvilho (é mais fácil parar no estômago)…nem sempre consigo!

6- A Chiara assiste muito DVD no carro quando viajamos, mas quando entramos na serra, principalmente, peço para desligar e fechar os olhos, acredito que o enjôo seja menor.

7- Se estamos bem, eu e o Juninho sempre optamos a viagem começando na madrugada, lá pelas 3h / 4h da manhã…assim as crianças ainda estão dormindo e não sentem a viagem…as chances de passarem mal é menor, mas a Chiara já vomitou dormindo, portanto não é uma regra.

8- Por último, temos as opções de remédios, que recomendo vocês consultarem o pediatra, pois não é qualquer remédio que pode tomar em qualquer idade. Na nossa última viagem, utilizei o Dramin gotas, todos falaram que a Chiara iria dormir igual uma pedra, vc. acreditam que ela não piscou o olho???? Mas pelo menos não vomitou  que é o mais importante.

image

image

Gente, apesar do post de hoje ser um pouco nojento, espero que ajude a todos, afinal não escapamos  dessa fase da criança, né??? Uns mais outros menos… Mas também depois que viramos  pais  perdemos as frescuras, então está  tudo OK! HEHEHEHEHE

E com vocês, quais são as estratégias utilizadas???? Contem tudo aqui.

Um grande beijo!

Os carros que vocês utilizam têm trava automática? Fiquem atentos…aconteceu comigo!

Oi pessoal!

Bom, hoje quero dividir com vocês algo muito sério que aconteceu comigo no sábado, e que nunca imaginei que fosse passar por isto um dia, ou seja, cada vez mais, aprendo que NUNCA podemos julgar alguém, porque um dia pode acontecer com você, né?

Todo este suspense é para contar que quase tive um infarto porque, sem querer (lógico), prendi o Benício dentro do carro, em um calor de 45 graus de Ribeirão Preto.

Em 2 segundo tudo aconteceu….sai da loja de uma amiga minha com ele no colo e como estava cheia de coisas na mão, sem perceber, joguei tudo no banco da frente do carro (chave, celular, bolsa…) para poder colocá-lo na cadeirinha. Coloquei-o  e liguei o DVD (foi minha salvação), fechei a porta e….quando me virei para dar tchau, só ouvi o “CLAC”…. quando me toquei que não estava com a chave na mão, o desespero veio numa intensidade infinita… e mesmo sabendo que estava tudo trancado, nós demos a volta no carro tentando abrir!!!

Bom, o Benício não percebeu nada, pois estava assistindo o DVD e assim ficou, o que me deixou mais transtornada era o calor, pois sabia que tinha que tomar uma decisão logo, afinal era 12h, um “sol a pino”, ele ia passar mal em minutos. Chamei uns homens que estavam do outro lado da rua e pedi para que eles quebrassem o vidro do passageiro da frente, por incrível que pareça, eles se negaram…isto mesmo!!! Falaram que eu tinha que chamar “os homi”, até agora não sei se é a polícia ou o chaveiro. Aí apareceu um anjo que caiu do céu, o dono da loja do lado, pegou uma chave de fenda, forçou o vidro e quebrou!

Ufa…toda esta ação não durou mais que 5 minutos, mas o desespero e o nervoso é indescritível, fora a culpa: “eu tranquei o meu filho no carro”…inconsequente, como não tomou cuidado…e assim por diante!!! Nem preciso falar que passei o resto do dia “passada”, com dor no corpo todo, acho que foi do nervoso….eu tremia tanto!!!

Ah, e esqueci de contar que a minha amiga está grávida de 30 semanas e o medo dela passar mal depois porque ficou nervosa, mas não aconteceu nada, graças a Deus!

Fiz questão de dividir esta experiência péssima com vocês, para mostrar que em segundos tudo pode acontecer….então se vocês já são cuidadosos, aprendi que devemos redobrar os cuidados, toda precaução é bem vinda!

Aprendi a lição:

– toda vez vou reparar se a chave está comigo,

– vou abrir a porta do motorista antes (assim a porta não trava, vou saber o nome do meu seguro (pois como o Juninho troca sempre, nunca me preocupei em guardar),

– vou ter o telefone de um chaveiro gravado no meu celular e do seguro tb.,

–  vou estar sempre com o celular, neste caso era melhor ter colocado tudo em cima do carro….

 

Segue um post que já tinha publicado sobre prevenção de acidentes: http://viverbembom.com.br/dicas-de-seguranca-para-evitar-acidentes-na-infancia-de-0-a-12-anos/

Também segue um link de um arquivo em PDF sobre prevenção de acidentes domésticos em geral, que fala sobre carro: http://www.projetosegurancahumana.org/arquivos/qdmtch.pdf

E para desestressar um pouco, vejam a foto do Benício relaxando com o Papai, assim que chegou em casa.

Um beijo a todos e muito OBRIGADA a todos que me ajudaram neste momento difícil, sem estas pessoas não saberia o que fazer!!!

 

 

Sugestões de DVDs apropriados para bebês

Oi pessoal!

Vocês podem estar se perguntando…mas ela é louca que está sugerindo que nossos bebês fiquem na frente da tv por horas? isto não faz mal? Gente, não é nada disso…sabemos que deixar o baby muito tempo na frente da tv não é aconselhável, pois ele precisa desenvolver outros sentidos além da visão….mas todos nós sabemos que precisamos, de alguma maneira, entretar nossos filhos para fazermos coisasm rápidas e simples do dia-a-dia: para arrumar a casa, ou fazer uma comida rápida, ou trocar de roupa…e a TV acaba sendo a nossa aliada nestas horas. Segue um link que aborda o quanto a TV é prejudicial: http://brasil.babycenter.com/baby/desenvolvimento/pergunta-tv/

Aqui em casa, utilizamos mais o DVD de carro para entreter o Benício e desta forma, ele fica na cadeirinha, senão é um choro só.

A Chiara sempre adorou desde bebezinha os desenhos da Discovery Kids (tanto os musicais como os que apenas interagiam com a fala), ela vibrava com os Backyardigans!!! Mas o Benício já é totalmente diferente: ele precisa de uma música para ficar concentrado na imagem!!!

E neste mundo eterno de pesquisa por novidades…indicaram para mim coleções de DVDs que são apropriados para bebês (de 0 a 3 anos). Normalmente, são temáticos: cores, formas, água, céu….e também são musicais, tocam músicas instrumentais. Realmente são bem diferentes de dvds infantis, como, por exemplo, a Galinha Pintadinha, que é um sucesso entre as crianças. É nítida a diferença. Além da duração que é curtíssima, em média, 30 minutos (que é o tempo recomendado do bebê na frente da TV), eles mostram muitos objetos e cores… por exemplo: se o tema é céu…mostram vários tipos de estrelas: estrelas de verdade, de brinquedo, de papel….nuvens, dia/noite, sol…

Os preços variam entre R$ 19,00 a R$ 39,00, aproximadamente. Vale a pena conferir… pois não são feitos para deixar a criança agitada, muito pelo contrário, em alguns casos, o bebê chega ao final do vídeo dormindo.

Seguem algumas marcas:

1-Baby Einstein (este que tenho em casa)

2 – Bebê Mais

 

3 – Super Bebê

4 – Baby IQ

E vocês, são contra a TV totalmente ou a utilizam de forma moderada? Comente aqui!!!

 

Mamães e Negócios – apresentando FANI RODRIGUES- profissional especializada em cortes infantis

Oi meninas,

Estas semanas que passaram, tivemos muitas interações no face sobre corte de cabelo infantil, se conhecíamos alguém, se poderiam confiar…

Pensando nisso, aproveitando uma ida ao salão para cortar o cabelo da Chiara, resolvi entrevistar a FANI que cuida do cabelo dela, praticamente, desde quando ela nasceu!

Confiram no vídeo as dicas que ela fala sobre a importância de cortar o cabelo com um profissional especializado em crianças.

Ah, mesmo o Benício que ainda não tem quase cabelo, entrou na brincadeira, ela ajustou o “pézinho” do cabelo. hehehehe

Um beijão e até mais!!!!