Dicas para incentivar a leitura nas crianças

Oi meus amigos!

O post de hoje é muito especial, pois no dia 18 de abril, comemora-se o DIA NACIONAL DO LIVRO INFANTIL! E pensando nisto, porque não falarmos sobre dicas para incentivarmos a leitura?

Como a maioria de vocês sabem, meu marido e eu trabalhamos no setor educacional desde muito novos. Portanto, para nós, a LEITURA é um dos pilares de aquisição de novos conhecimentos, de formação de opinião, de distração, ou seja, é EDUCAÇÃO.

Sem falar que acreditamos 1000% que EDUCAÇÃO é a chave de sucesso  para a transformação do mundo, para a formação de cidadãos críticos, éticos e responsáveis!

Ok Camila, tudo muito lindo, mas como incentivar a leitura aqui em casa?

E agora vou responder:

Como vocês, com certeza, já vivenciaram…. EDUCAR não é fácil, CRIAR um hábito, também não é fácil…. mas com persistência e dedicação chegaremos lá.

E para exemplificar, achei um artigo muito interessante do site da Pais&Filhos, clique aqui para ver o artigo , mas vou colocar as dicas (na íntegra) que eles sugerem para incentivar a leitura, aproveitando para falar da nossa experiência em família.

“9 passos para ajudar seu filho a gostar de ler”

“RESPEITAR OS GOSTOS DA CRIANÇA E FREQUENTAR LOCAIS COMO CINEMA, EXPOSIÇÕES E OUVIR MÚSICA PODE SER UMA FORMA DE COMEÇAR” (REDAÇÃO PAIS&FILHOS 

DICA ZERO: “Quanto mais cedo se tem contato com a leitura, melhor. E faz parte do nosso papel de pais incentivar e ajudar nossos filhos a criarem esse hábito”. A professora do departamento de educação da Universidade Estadual de Londrina, Lucinea Rezende, mãe de André e Maurício, mostra como formar pequenos leitores:

1. Não achar que é uma tarefa fácil

“Ler é uma prática muito prazerosa, mas não é fácil. “As pessoas costumam achar que é moleza criar esse hábito. Para se formar um leitor, é preciso construir ideias, ter foco, prestar atenção. Nem sempre isso é fácil para uma criança”, explica Lucinea. Por isso, não queira que a criança tenha a mesma facilidade que você”.

Experiência Família Viver Bem Bom:

Vivenciamos isto na prática, principalmente, se a criança começa a ser estimulada desde cedo… temos 3 casos na família. A Marina (18 anos) tentei incentiva-la depois de grande (adolescente) e definitivamente, o modo dela adquirir novos conhecimentos é  digital (Youtube, audiobook, grupos), mas o livro não vai (tudo certo, foi como ela se encontrou!).

Como eu gosto muito de ler (e ainda sou das antigas) gosto do papel… as crianças incentivei desde bebês com livros interativos e diferentes, até já escrevi sobre isto aqui no blog, clique aqui para acessar.

Primeiro livro “grande” que a Chiara leu – orgulho de mamãe kkkk

Além disto, deixamos todos os livros à disposição: na altura deles, em diferentes espaços (inclusive nos quartos tb):

Estante baixa na sala

Porta livros de parede (altura das crianças)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

2. Frequentar ambientes de leitura

“Não adianta dar um livro para uma criança e nunca levá-la a uma biblioteca, livraria ou sebo. Para se tornar um leitor, não adianta apenas pegar um livro e ler. É preciso ter identificação com o hábito. Em outras palavras, é preciso que a leitura faça sentido para a criança. Ao levar a criança para conhecer esses locais, fale sobre os benefícios da leitura e que ela vai aprender coisas novas.”

Experiência Família Viver Bem Bom:

Se estamos no shopping passamos na livraria, já virou um hábito.

Se deixar, as crianças ficam horas lá dentro: descobrindo novos livros, novos temas… inclusive agora que a Chiara sabe ler, está ainda mais empolgante, pois ela se interessa por aqueles livros de COLEÇÃO, como Harry Potter, STAR WARS (capa dura, colorido…), mas ainda são muito difíceis para leitura dela. Vamos chegar lá um dia…. kkkk

Chiara bem novinha na Livraria

 

3. Ler o mesmo livro que o seu filho

“Dessa forma a família pode criar um clube do livro em casa: trocando e conversando sobre o que leram. “Isso torna o hábito da leitura mais divertido e possibilita que os pais se aproximem dos filhos”, conta Lucinea. Além disso, é uma forma de saber quais são as opiniões e preferências que as crianças têm.”

Experiência Família Viver Bem Bom:

 

Achei esta dica muito legal, pois hoje lemos muito para o Benício que ainda não sabe ler, mas por exemplo, não leio o mesmo livro que a Chiara (acredito que seja um grande incentivador, principalmente para as crianças que estão começando a ler livros maiores).

Papai lendo para o Benício

Vejam que tb temos um local bem aconchegante para ler (está bem perto do porta livros de parede)

 

 

 

 

 

 

 

4. Respeitar o gosto do seu filho

“O seu gosto e o do seu filho não precisam combinar. E o fato de ele não querer ler suas sugestões não quer dizer que ele não gosta de ler. “Todas as pessoas podem ser bons leitores, só é necessário que essa construção seja feita no ritmo certo, respeitando as preferências e os limites”, alerta.
Se você gostaria que ele se interessasse por determinado livro ou gênero, pode pedir que fale um pouco sobre a história que ele está lendo e aproveitar para contar um pouco sobre a sua. Dessa forma um cria interesse pela história do outro.”

Experiência Família Viver Bem Bom:

Nesta dica, dei muita risada kkkkk, pois é isto mesmo. Quem conhece a Chiara sabe que meus gostos não têm nada a ver com os dela.

Definitivamente tem seu próprio estilo e não é influenciável por nada kkkk. Na primeira vez, que a fiz proposta de comprar um livro maior, pois afinal ela já sabia ler e eu ia ensiná-la como ler uma página por dia (como era gostosa esta sensação…) Obviamente que procurei livros fofos de finais felizes e românticos e ela…. vejam o resultado abaixo:

Livros escolhidos pela Chiara – nada a ver com Princesas kkkk

 

5. Apresentar outros tipos de linguagem

“A gente costuma achar que a leitura está apenas nos livros, mas boas histórias também estão presentes em filmes, peças de teatro, exposições e até mesmo nas músicas. Só que com outra linguagem. O importante é mostrar diferentes possibilidades e assuntos”.

Experiência Família Viver Bem Bom:

Aqui em casa, chamamos a nossa “sessão de cinema” de FILME DE FAMÍLIA. Nada mais é do que a família inteira reunida assistindo filme com colchão na sala e pipoca (simples e que tem muito significado para nós).

E, para completar, o filme de família, AMAMOS FILMES DE HISTÓRIAS REAIS. É uma forma de incentivar o aprendizado de outras maneiras. Na verdade, sempre procuramos locais para visitar, com significado, nem que seja a árvore da praça…. acreditamos que a EXPERIÊNCIA NA PRÁTICA traz o aprendizado de forma mais concreta e fácil de assimilar.

Imaginem se o meu marido criativo não inventou uma história com este barco de Piratas que vimos na praia? kkkk aprendizado na prática kkkk

6. Ler para ele

“O contato com os livros pode começar antes mesmo de a criança ser alfabetizada. “Se os pais tornarem a leitura desde sempre um hábito natural, no momento em que a criança começar a ler, isso não lhe causará estranhamento, pelo contrário”.

Experiência Família Viver Bem Bom:

Já abordei acima este assunto, mas seguem alguns livros que as crianças estão amando… Inclusive é muito comum, eles ganharem livros de presente, e eu acho o máximo quando isto acontece. Também gostam de presentear…. é um estímulo tb. Outra dica interessante, mas que vou abordar em outro post, é sobre feiras de trocas de livros e os famosos SEBOS… é uma forma barata de trocar “o antigo” pelo “novo” e trabalhar o “compartilhar”….

São livros de Pop up ou mais clássicos como o “Pequeno Príncipe”
Super indico para a idade de 3 a 6 anos a “Ilha do Tesouro” e “Corpo de Bóris” e os outros dois para a idade de 7 em diante (saber ler)

Livro maravilhoso de Pop Up – dos sonhos (para coleção, além de brincar)

Vejam o castelo da Rapunzel que lindo!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

7. Explorar a leitura de outras formas

“Se você perceber que seu filho está gostando de determinado livro, vocês podem planejar, por exemplo, fazer uma peça de teatro em casa contando a história, ou planejar um passeio que tenha um cenário parecido com o enredo que ele está lendo. Ou, até mesmo, pedir a ele que escreva seu próprio livro. As possibilidades são infinitas”.

Experiência Família Viver Bem Bom:

Devemos fazer mais isto, tenho que admitir que poderíamos desfrutar muito mais desta dica. Porém, já transformamos alguns livros em bonecos reais, já montamos robôs recicláveis por causa de um livro, já visitamos o museu do Portinari porque as crianças estavam estudando sobre o artista na escola. Experiência fantástica. Eles jamais esquecem.

Vejam abaixo a transformação da personagem principal do livro em ROBOCLÁVEL de verdade kkkkk:

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

8. Não tratar a leitura como punição

“Isso pode fazer com que seu filho associe a leitura a algo ruim. Portanto, se ele tiver feito algo ruim, não mande ele ir para o quarto ler um livro. Também não cobre dele o término de uma história.”

Experiência Família Viver Bem Bom:

Vou falar que esta dica é a mais difícil para mim que sou perfeccionista! Mas isto é uma melhoria que preciso fazer em mim e não na minha família.

Até eu entender isto, eu queria que a Chiara cumprisse a leitura de, pelo menos, uma página por dia. Percebi que não estava dando certo. Então, foi quando uma “luz”, literalmente, surgiu e fui por outro caminho.

Comprei uma lanterna de livro e expliquei para ela que ler o livro na hora de dormir é muito bom, pois tranquiliza e o “sono chega”, já que durante a semana temos horário para deitar e dormir.

lanterna de livro: encontra em livraria

Espero que tenham aproveitado muito estas dicas!

Por favor, se também tiverem dicas de como incentivar a leitura nas crianças, compartilhem conosco!!!! Sempre é muito bom aprender estratégias novas…

Grande bj a todos e FELIZ DIA DO LIVRO INFANTIL!

Quando mudamos de cidade é saudável levar a criança para matar a saudade dos amigos?

Oi pessoal?

Que dilema este tema, né? Pois bem, na semana passada, passamos dois dias em Ribeirão Preto resolvendo alguns assuntos e nos deparamos com uma questão importantíssima: como reagir com a Chiara?!? Ela deu tanto trabalho de adaptação e, bem agora, depois de 5 meses da mudança, que tudo parece estar voltando à normalidade, vamos colocá-la novamente em desiquilíbrio emocional??? Afinal, rever os amigos é bom ou ruim???

Vocês podem imaginar como ficou a nossa cabeça… mas ao mesmo tempo, ela estava tão feliz de estar na cidade que ela nasceu…não parava de falar dos amigos, do local onde morava… tenho que confessar que não tinha noção nenhuma do que fazer!!! Meu marido queria poupá-la ao máximo… eu já queria tratar o assunto com naturalidade, ou seja, deixá-la rever as pessoas sem restrição e, no fim… o destino tratou de ajeitar a situação. Vocês devem estar se perguntando: como assim, Camila? Destino??? Isto mesmo! Já vou explicar…

O meu desejo era levá-la à escola para reencontrar os amigos e as professoras e levá-la ao condomínio onde morávamos para reencontrar os amigos de lá, mas em conversa com o maridão, cedi algumas coisas e ele outras… ou seja, sabíamos de duas pessoas que ela não poderia deixar de ver: seu super amigo GuiGui e a sua segunda mãe, a “Bá” dela (a Vânia, que cuidou dela desde que nasceu!) Se ela não os encontrasse, ela morreria hehehehe… Então, concordei em não levá-la à escola e ela passou uma tarde inteira com o amigo em um shopping e encontrou com a “Bá” logo que chegou. Pronto, as duas pessoas mais requisitadas garantidas!!! Agora, onde entra o destino? Como cedi na escola, o Juninho cedeu no condomínio, então ela iria ao condomínio comigo, mas a tarde foi tão intensa com o Gui que ela simplesmente, desmaiou de cansaço, não acordou por nada! Sem falar que a falta de tempo também foi um fator complicador, ou íamos nos locais na hora exata ou não íamos mais!

viver bem bom blog dá família amizade saudade

No final das contas, ela pôde rever muitas pessoas que eram do convívio dela, mas ela não estava no meio onde ela vivia… que acredito que foi positivo… foi emocionante rever o Pediatra deles tão querido (Dr. Valentim), a nossa super cabeleireira (Fani), a nossa companheira de sempre…Tia Crisss, sem falar de amigos de tantos anos… que se fosse descrever, seria uma lista imensa! Foram todos encontros rápidos, mas que já serviu para nos sentirmos em casa! Sabemos que não deu tempo de rever nem 1/3 das pessoas que gostaríamos de visitar…

viverbembom dona fiuca ribeirão preto blogdafamilia

Mas, afinal de contas, qual é a conclusão que podemos tirar desta situação? Foi bom ou ruim?

A meu ver, foi ótimo! Pois, em nenhum momento, ela refugou dizendo que queria voltar a morar em Ribeirão Preto ou chorar na hora de dizer tchau… Para dizer a verdade, parecia um”mini adulto”: ficou muito, mas muito feliz de rever as pessoas e contar das suas novidades de Santos e na hora de dizer tchau falou que estava esperando todo mundo nas férias! Linda, né?

Por um outro lado, descobri que ela está com uma queda de cabelo um pouco forte, que pode ser resultado de tudo que passou emocionalmente, portanto acredito que não ter dado certo tudo que estava proposto, foi bom também!

Outro ponto que acredito que ajudou muito, foi a super IRMÃ “Tatá” ter ido viajar no feriado conosco, afinal fazia mais de uma mês que não a víamos e todos estávamos com muitas saudades!

Cabine avião viver bem bom blog dá família

Agora, a maior certeza de que tudo deu certo, foi hoje ela ir para a escola toda feliz porque queria contar aos seus amigos todas as novidades da semana passada!!!

Será que posso considerar a adaptação uma página virada??? Lógico que SENTIR SAUDADES é algo que faz parte de nós! E considero um sentimento positivo, afinal mostra que demonstramos afeto e amor para com as pessoas que nos rodeiam. Sentimos saudades não só das pessoas, mas também de locais, de épocas que já vivemos…

Qual é a opinião de vocês? Já passaram ou passam pela mesma situação? Vamos compartilhar nossas experiências… assim o coração de mãe fica mais calmo hehehehehe! um beijão e até mais…

 

 

 

Sugestão de viagem em família – Brotas Eco Resort

Oi gente! Tudo bem?

 

Como todos sabem, gostamos muito de viajar e, neste final de semana, pudemos aproveitar um local muito gostoso para a diversão em família.

É o Brotas Eco Resort, que fica na cidade de Brotas, a 248 km da cidade de São Paulo. Desde a época de namoro, nós freqüentávamos este local para fazer atividades radicais e agora aproveitamos mais light com as crianças.

No vídeo, vocês verão as imagens mostrando um pouco sobre a infraestrutura do local: piscinas, playgrounds, refeitórios, fazendinha, monitoria, enfermaria, brinquedoteca, ou seja, amo este local porque em todas as atividades é possível aproveitar muito com as crianças. Sem falar da comida super caseira. Uma delícia! É produzida inteiramente com os produtos produzidos na fazenda.

E, se por acaso, vocês curtirem atividades de ecoturismo, como rafting, rapel, bóia cross… há a possibilidade de deixar as crianças com babás que o hotel oferece. Agora, se as crianças tiverem por volta de 5 anos, há o rafting infantil também.

E o que achei mais interessante: se a família tiver animal de estimação, não há problemas!!! Eles autorizam a entrada  no resort…não é o máximo? É porque realmente não atrapalha, pois o local é muito grande e os quartos são bem independentes.

Fica a dica para as férias, feriados e finais de semanas!

O site do Brotas Eco Resort é: http://www.brotasecoresort.com.br/

Telefone para contato: (19) 7831-3214 – Rodrigo

Confiram o vídeo….

Um beijão e até mais!

 

Precisamos de ajuda: a Família Viver Bem Bom quer viajar em julho! Queremos dicas de locais adequados para crianças…

Gente! Tudo bem?

Que dúvida cruel!!! Realmente precisamos de ajuda! Temos muitas milhas guardadas e não sabemos para onde ir! Na verdade, como sempre, queremos aproveitar com as crianças, mas como vocês sabem, temos 3 faixas etárias diferentes: o nosso bebê de 1 ano Benício, a nossa Chiara de 4 anos e a nossa adolescente Marina de 14 anos!!! O que fazer???

Bom, queríamos aproveitar e viajar para fora do país, mas nada caro, ou seja, AMÉRICA DO SUL (Argentina, Chile, Peru…..) Pensamos em neve, já que os 3 não conhecem… Indicaram um local na Argentina chamado USHUAIA (Cidade do fim do mundo), lá há muitos passeios para crianças…alguém já foi? É bom?

Foto retirada do blog: http://seseguraberenice.blogspot.com.br/2011/04/ushuaia-argentina.html

 Outro lugar que passou pela nossa cabeça foi LAS LEÑAS, tb. na Argentina, descobri que lá tem um parque infantil de sky e que há pessoas especializadas para cuidar dos bebês para os pais poderem esquiar um pouquinho, mas pelo que parece, a única atração é o sky….

Foto retirada do blog:http://palidaypoderosa.blogspot.com.br/2012/08/esqui-com-criancas.html

Amamos Bariloche, o Juninho e eu já fomos para lá e voltaríamos numa boa, mas temos um lema: SEMPRE CONHECER LOCAIS NOVOS, porque gastar dinheiro com a mesma viagem, para nós, não é legal!!! Apesar que as crianças não conhecem…

Dentro do Brasil, há os famosos resorts, mas amo viajar para fora e conhecer novas culturas, novas comidas… A Serra Gaúcha somente eu conheço, tb. é uma opção…o que acham???

Foto retirada do blog:http://viagem-facil.blogspot.com.br/2011/11/roteiro-serra-gaucha.html

Bom, vocês já perceberam que a DÚVIDA está muito presente na nossa cabeça! Lógico que se tivéssemos dinheiro guardado para isso, Disney seria a opção número 1 (viagem dos sonhos), mas ainda não dá!!! Então gente, a ideia é viajar em julho, mais ou menos 1 semana, utilizando milhas!!! Por favor, ajudem-nos…..

Ah, se tiverem opções de sites também, seria ótimo! Depois montarei um SUPER POST com as dicas que receberemos para ajudar a todos!

Um grande bj a todos!

 

 

Com vocês…..a Vidrolina! Mais uma história da RK para os nossos filhos.

Oi gente!!!

Hoje, a Chiara e eu, vamos apresentar para vocês, mais um Super Herói da ReciclaKids: a VIDROLINA.

Confiram o vídeo!

E para acompanhar as aventuras desta turminha, entrem no site: http://www.reciclakids.com.br

Um beijão e até mais!!!

 

Campanha de doação Ribeirão Verde – participe você também!!!!

Oi gente!!!

O grupo do facebook “Gravidinhas e Mãezinhas”, no qual eu participo, está organizando uma campanha para ajudar uma comunidade carente em Ribeirão Preto.

Ficaremos muito felizes se você e seus amigos, familiares, vizinhos…também ajudarem esta causa!!!!

Por favor, assistam ao vídeo…lá explico tudo!!!! Data, onde doar, o que doar….

Um beijão e até mais!

Praças e parques…diversão garantida com as crianças!!!

Oi gente!!!

Acredito que todos nós já aproveitamos um pouco das praças e parques que nossas cidades oferecem, mas o que esquecemos é que estes lugares são ótimas opções de passeios GRÁTIS que temos para curtir com a criançada. No vídeo, mostramos algumas imagens da Chiara se divertindo em uma praça de Ribeirão Preto…e agora a moda lá de casa é a academia ao ar livre, toda vez que ela vê uma, quer parar na hora e brincar (porque ela nem imagina que todos aqueles instrumentos são para fazer exercícios), é muito engraçado!!!

Segue abaixo o vídeo e os endereços de parques e academias ao ar livre que temos em praças e parques de RP e da cidade de São Paulo.

Vamos gastar a energia da garotada….

 

 

 

ACADEMIAS AO AR LIVRE EM RIBEIRÃO PRETO:
·       Simioni – Rotatória Av. Magi Simão Trad x R. Wilquem Manoel Neves.
·       Avelino Alves Palma – Quadrilátero – Rua Jarbas Martins Vianna / Arthur de Jesus Campos / José Benedito da Silva) Praça Avelino Alves Palma.
·       Tanquinho – Romano Coró / Alcina Arantes Nogueira / Valentim João Moretti / Inácio Salomão – Praça Evangelista Católico José Bernardo da Silva Filho.
·       Centro – Quadrilátero – Rua  Floriano Peixoto / Lafaiete / Sete de Setembro / Florêncio de Abreu – Praça Aureliano de Gusmão (Sete de Setembro).
·       Vila Tibério – Rua Cel. Luiz da Cunha / Rua Rodrigues Alves / Rua Martinico Prado / Rua Conselheiro Dantas) – Praça Coração de Maria.
·       Quintino Facci II – Quadrilátero – Av. Euclides de Figueiredo / Av. Magid Simão Trad / Av. Demétrio Ghaguri / Rua José Rodrigues – PRAÇA PADRE NILTON ELIAS DE BARROS.
·       Quintino Facci I – Quadrilátero Campinas / César Montagnana / Fernando de Lazzari / Antônio Cabral) – Praça São Mateus.
·       Vila Mariana – Ricardo Cossalter / Álfio Pizani / Amparo / Augusto Pessotti – Praça Maria Maia da Silva.
·       Parque Ribeirão Preto – Quadrilátero – Av. Luzitana / Av. Monteiro Lobato / Av. Gásper Libero – Praça Chico Mendes
·       Nova Ribeirânia – Quadrilátero – Rua Mário Bruno Regino / Sargento Vilvio Hollemback / Elias Farah Badra / Abrão Boianaim – Praça APAMIGS
·       Jardim Irajá – Quadrilátero – Rua Dr. Isac Theodoro de Lima / Rua Paschoal Bardaro / Rua Dr. Paulo Barra / Rua Dr. João Gomes da Rocha – Praça Miguel Darahem
·       Campos Elíseos – Rua Marquês de Pombal / Conde Francisco Matarazzo / José de Alencar – Praça Rômulo Morandi
·       Ribeirânia – Quadrilátero Av. Presidente Kennedy / Av. Maurílio Biaggi – Praça Dra. Santa Terezinha
·       Lagoinha – Quadrilátero – Rua Niterói / Antônio Fernandes Figueroa – Nova – Praça Ali Yussef
·       Bonfim Paulista – Quadrilátero – Rua José Laplaca / Rua Antônio Belarmino / João Medeiros Cabral / Manoel Albino Gonçalves) – Jardim Alvorada – Praça Armando Toni
·       Bonfim Paulista – SAN FERNANDO – Quadrilátero – Rua Alcides Xavier / Rua Paulo Hernandes Gutierrez – Área de lazer Deputado Wilson Toni
·       Bonfim Paulista – Centro – Quadrilátero – Rua Prof. Felisberto Almada / D. Iria Alves / José da Silva – Praça Barão do Rio Branco
·       Jardim Procópio – Quadrilátero – Coronel Américo Batista / Rua Jan Secaf / Rua Antônio Gallão – Parque Ecológico Tom Jobim
·       Conjunto Habitacional Wilson Toni – Quadrilátero – Av. Senador Teotônio Vilela  /  R. Maria Celina Bin Rosa / R. João Diniz Alvim – Área Verde
·       Jardim Progresso – Quadrilátero – Av. Cásper Libero / Rua João Dias Arruda / Rua Manoel de Macedo / Rua Floriano Leite Ribeiro Praça Marco Antônio Ribeiro da Silva
·       Jardim Novo Mundo – Quadrilátero – Rua Isaías José Ferreira / Farid Salim / Júlio Dante Rissi / Domingos Padovan – Praça Prof. Cássio Botura
PARQUES EM RIBEIRÃO PRETO
  • Parque  Pref. Dr. Luiz Roberto Jábali. Pq. Curupira.
  • Parque Ecológico Angelo Rinaldi. Horto Municipal.
  • Parque Municipal do Morro de São Bento.
  • Parque Municipal Dr. Luis Carlos Raya.
  • Parque Roberto de Mello Genaro.
  • Parque Tom Jobim.
ACADEMIAS AO AR LIVRE EM SÃO PAULO (existem mais opções, além das descritas abaixo)
1. Parque do Povo – Av. Henrique Chamma, 590, Chácara Itaim, zona oeste, São Paulo, SP.2. Praça Irmãos Karmann  -Av. Sumaré esquina com a rua Pedro da Costa, Sumaré, zona oeste, São Paulo, SP.3. Parque Zilda Natel  – Av. Dr. Arnaldo esquina com a rua Cardoso de Almeida, Perdizes, zona oeste, São Paulo, SP.4. Parque Villa-Lobos  – Av. Prof. Fonseca Rodrigues, 2.011, Alto de Pinheiros, zona oeste, São Paulo, SP.

PARQUES EM SÃO PAULO

Como são muitas opções, segue um link que explica sobre cada um: http://pt.wikipedia.org/wiki/Parques_da_cidade_de_S%C3%A3o_Paulo

 

Dica de espaço para criança com EVA

Gente, aproveitamos o feriado da semana passada para montar um espaço para o Benício brincar já que ele está interagindo bastante.

Vejam as nossas sugestões no vídeo. Gosto muito!!!

Desenvolvimento do bebê até os dois anos

Pessoal, segue uma matéria da Uol sobre o desenvolvimento do bebê durante Os dois primeiros anos de vida. Gostei muito, porém vale lembrar que cada criança tem o seu momento certo para fazer suas “gracinhas”, há itens que o Benício jã fez antes do tempo esperado, mas já a Chiara seguiu mais o que é dito pela literatura…é gostoso saber o que ainda vem pela frente….eles crescem muito rápido!!! Segue o link para ver a matéria inteira:

http://m.mulher.uol.com.br/noticias/redacao/mobile/2012/05/08/o-desenvolvimento-do-bebe-ate-os-dois-anos.htm

Mamadeiras nunca mais…

Para quem possui filhos, sabe muito bem como este assunto é polêmico dentro de casa….sabemos que temos que tirar a mamadeira dos nossos filhos, mas morremos de dó porque eles não dormem sem este precioso mamar!!! Bom, a única coisa que temos noção é que um dia este dia vai chegar…
Pensando nisto, conversamos muito com a Chiara: explicamos que ela já é grande, que ela não faz mais xixi na cama, que ela dorme na cama dela e que agora só faltava deixar a mamadeira…ela concordou em ir ao shopping procurar um “copo diferente” para mamar.
Então, depois de muita procura, achamos um copo super legal com bico de silicone que imita muito bem o da mamadeira. Ele é da Kuka, chama Nûby, custa em torno de R$ 26,00, na BMart. E o mais interessante é que vende o bico dele a parte para trocar quando estiver velho. A vendedora da loja falou que este é o copo mais procurado para o processo de tirar a mamadeira.
Resultado: ela adorou e até agora não pediu mais mamadeira. Está super orgulhosa que está usando o “copo do shopping”, é assim que ela apelidou o seu novo acessório!!! Hahaha

Segue o vídeo do copo e vamos torcer para que mamadeiras nunca mais!!! Ficaadica…

Até a próxima!