#Protestomaterno – Educação contra as drogas

Oi gente! Hoje estou mais uma vez aqui para conversar com vocês sobre a campanha #protestomaterno.

Selo oficial da campanha

Selo oficial da campanha

Durante esta semana, reparei muito sobre tudo que postaram, que estão falando, estão lutando, estão solicitando, porém pouco ouvi falar sobre DROGAS, sobre como a educação pode refletir em um mundo sem drogas.

A minha responsabilidade, como mãe, é ensinar e mostrar aos meus filhos o quanto a droga é prejudicial, mas se eles quiserem entrar na “onda” dos amigos para fazer “parte da turma”, podem sim serem influenciados a usar… todos nós, que hoje somos adultos, passamos por esta situação, e coube a nós, na época adolescentes, julgar se era válido entrar ou não!

Agora, se tivermos uma conscientização geral, um alerta sobre tudo que a droga pode  fazer mal por meio da educação, acredito piamente que o uso será diminuído. Aconteceu isto com o cigarro.. . antigamente vc. era o estranho se não fumasse e, hoje, graças a Deus, foi revertido! Tudo bem que ainda milhões de pessoas no mundo fumam, mas…houve uma grande diminuição. E já é um começo!

Agora, ao invés disso, falam sobre a legalização da maconha? Absurdo! Você anda na rua e vê jovens, adultos…fumando maconha como se fosse tudo muito normal, ninguém tem medo ou receio… que mundo é este?

Que mundo é este  que as pessoas matam sem pensar porque precisam de dinheiro para comprar drogas? Que mundo é este que pessoas matam ao próximo porque estão sob efeitos das drogas e não conseguem controlar suas ações? Que mundo é este que bebês nascem com defeitos de formação porque os pais foram ou são utilizadores de drogas?

Qual é o ser humano que escolhe este caminho? Muitos dizem que entraram neste mundo porque não tinham opção, outros para “curtir um barato” e nunca mais saíram, e ainda há outros que são curiosos e quiseram ver no que dava!?!

Imagem retirado do blog Dependência em Foco com imagens fortes para impactar!

Imagem retirada do blog Dependência em Foco com imagens fortes para impactar!

CADÊ A EDUCAÇÃO FORMANDO CIDADÃOS CONSCIENTES E CAPAZES DE TRANSFORMAR O MUNDO???

Sei que este assunto é delicado e que passaria horas contestando e abordando as minhas indignações, mas o que quero deixar registrado é que este #protestomaterno é contra às drogas, contra a falta de conscientização, contra a falta de uma educação de qualidade.

Precisamos salvar na PREVENÇÃO e não lutar para sair quando já não tem mais volta!

Precisamos salvar na PREVENÇÃO e não lutar para sair quando já não tem mais volta! Imagem do Seminário “Drogas Por Quê” que ocorreu em Canoas

Queremos um mundo melhor para os nossos filhos, netos e bisnetos!!! Queremos um mudo onde as pessoas valorizam a sua vida e a da próximo… O ÚNICO CAMINHO QUE CONHEÇO PARA COMEÇAR ESTE SONHO é  através da EDUCAÇÃO DE QUALIDADE, A EDUCAÇÃO COMO ESSÊNCIA, A EDUCAÇÃO RESPONSÁVEL! Pensem nisto….e compartilhem! Diga não às drogas!

Um grande beijo de uma mãe indignada…

 

5 thoughts on “#Protestomaterno – Educação contra as drogas

  1. Concordo com vc devemos educar nossos filhos com valores para que eles sejam capazes de fazer suas escolhas no momento proprício.
    Mas acredito que esse assunto ainda deve ser discutido em todas as esferas, pois vai muito além das questões educacionais. é uma questão de saúde e segurança pública, além das implicações econômicas.
    É assim que começa, alguém tem que atirar a primeira pedra para outros começarem a pensar e falar sobre o assunto.
    BJs
    Mari
    #amigacomenta
    http://maricriando.blogspot.com.br

  2. Fico muito preocupada logicamente com o mundo violento que vivemos, com a loucura que temos lá fora por conta do uso excessivo das drogas, das armas, do sexo, dos vicios e todas essas outras fugas que o ser humano procura. Acredito somente na educação, ou reeducação no caso dos adultos. Acredito fortemente nisso. Tenho um filho que ainda vai completar 2 anos e já tivemos altos papos sobre violencia, acredite. Mesmo sendo ele tão novinho já conversamos sobre isso, na linguagem dele… enfim. é de cedo que se ensina sobre tudo. Uma criança que conhece as coisas, dificilmente será enganada. Ontem mesmo ofereci um chá a ele e como ele tava com diarreia, minha mãe fez sinal p eu nao dizer nada sobre o chá, ele bebeu, me olhou e perguntou: chá? eu disse que sim e ele bebeu mesmo ruim, tudo. Quando a criança é orientada desde cedo, e digo que isso nao tem limite de idade, basta sentar e conversar de forma que ela entenda, ela já saberá como aquilo funciona e usará se quiser. ela terá a liberdade de escolher o que é o melhor para ela. Outra coisa muito importante que as crianças precisam desde cedo ser orientadas é a respeito dos limites do seu corpo, elas precisam se conhecer, saber respirar, saber como andam, se observar… a yoga principalmente dá um auto controle e experimentar isso desde cedo dá uma vantagem entre os que nao se conhecem. Crianças que são respeitadas em todos os ambitos, desde a alimentação até a atitudes e palavras, aprendem a respeitar mais facilmente o proximo e a si mesmo e nao vao cair na tentação de usar uma coisa que sabe que lhe faz mal.

    Acho que o discurso proibitivo não faz parte da relação com as crianças, logicamente, dentro dos limites de respeito com a sociedade e família, mas para mim, a pior proibição ainda é a castração da realidade, a pessoa impor suas verdades sobre o outro e não permitir que se pense ou aja por si só.

  3. ta aí um tema que me deixa de cabelo em pé!
    morro de medo mas não podemos nos paralisar ne?
    conte comigo!
    beijos
    Lele

  4. OI Camila, uma das minhas maiores preocupações com as minhas filhas é quanto ao uso de drogas. Converso muito, explico bastante e sou a favor de campanha massiva para responsabilizar os usuários assim como a campanha contra a pirataria responsabiliza quem compra pelo crime.
    Adorei o seu post.
    beijos
    Chris
    Inventando com a Mamãe
    #amigacomenta

  5. Realmente a educação peca em diversos setores, não sei se você já ouviu falar de um programa chamado PROERD, nem sei se existe na sua cidade. Ele é direcionado para as crianças do 5° ano, e aborda exatamente o assunto da sua indignação, combate e resistência as drogas.
    Eles abordam diversos temas dentro disso… como a droga pode chegar ‘disfarçada’ às escolas, etc.
    É um programa bem difundida aqui na minha cidade e sei que ele nasceu no RJ. Existe tanto em escolas particulares quanto nas públicas e a aula é ministrada por policiais militares.
    Ah você pode me dizer que os PM não estão prontos pedagogicamente para dar aulas… Saiba que muitos (não posso dizer todos) PMs procuram cursar pedagogia para aprender melhor a como lecionar o PROERD para as crianças.

    Pode estar caminhando devagar… mas a coisa vai acontecer.

    E sabe porque eu sei disso?
    Nunca vi tantas mães preocupadas com a educação dos seus filhos, indo em seminários, compartilhando literaturas. Creio que a verdadeira mudança começa dentro de casa, e isso nós podemos dizer que estamos batalhando para conseguir.
    Eu também procuro abordar bastante esse assunto educação, até porque depois que eles crescem um pouquinho e começam a ter opinião própria, temos que ser mais firmes algumas vezes.
    Outro dia, falei que nós mães somos artistas, como educar na verdade é uma verdadeira arte: http://goo.gl/omd8n… sabe nem sempre é fácil e não quer dizer que eles vão aprender 100% das coisas que nós queremos que eles aprendam.
    Nem sempre vão nos obedecer… mas creio que se plantarmos a sementinha até os 7 anos, bem plantadinha ela vai brotas linda na adolescência (por mais que tenha as birras naturais) e no futuro um adulto responsável, ético e sensato.

    Adorei a abordagem do tema, e creio que ela seja fundamental a discussão, em casa, na escola, entre os amigos. Dizer NÃO a todo abuso de substâncias e principalmente SIM a informação e compartilhamento dessas informações.

    Beijinhos
    Karin

Obrigada pela participação! Um grande abraço da Família Viver Bem Bom